Camisas de Futebol » Camisa do Kagoshima United causa polêmica por design “nazista”

Camisa do Kagoshima United causa polêmica por design “nazista”

Detalhe no manto de time japonês lembra a suástica nazista e tem sido alvo de críticas

by André Coutinho
Camisa do Kagoshima United causa polêmica por design
Compartilhe este link em suas redes sociais:

O Kagoshima United, clube que atualmente disputa a J3 League, terceira divisão do Japão, lançou uma camisa para 2022 que tem causado polêmica pelo design que lembra uma suástica nazista.

O manto titular, assinado pela Angua, tem sido alvo de críticas, em episódio que lembra história já vivida pela Fiorentina nos anos 90.

Fotos: Divulgação/Kagoshima United

Uniforme titular 2022 (Home kit)

O manto titular da equipe é o que tem causado polêmica. Ele é predominantemente azul marinho e apresenta um padrão gráfico no corpo com retas e caminhos, que acabam por formar mesmo o símbolo. O curioso é que nessas partes, a marca deixou um detalhe mais escuro, em forma de +, talvez para diferenciar e evitar maiores problemas.

O clube, em seu twitter, explicou o padrão gráfico, afirmando que é inspirado nos quimonos Oshima Tsumugi, uma arte tradicional que representa a prefeitura.

A Angua estampa seu logo em vermelho no lado direito do peito, enquanto o escudo do United é colocado no lado esquerdo, em sua versão atual padrão.

Completam o uniforme, calção e meiões azuis.

Uniforme reserva 2022 (Away kit)

O manto reserva traz o branco como predominante e apresenta outro padrão no corpo, baseado em outro quimono, que lembra bastante os modelos “renaissance” da PUMA. A gola V e os punhos trazem as cores azul e preta.

A Angua estampa seu logo em azul no lado direito do peito, enquanto o escudo do United é colocado no lado esquerdo, em sua versão atual padrão.

Completam o uniforme, calção e meiões brancos.

Gostou das novas camisas do Kagoshima United 2022, assinadas pela Angua? Acha que lembra a suástica nazista? Comente e compartilhe nas redes sociais!

Compartilhe este link em suas redes sociais:

Você também pode gostar