Camisas de Futebol » Under Armour perde diversos times e pode sair do futebol

Under Armour perde diversos times e pode sair do futebol

by André Coutinho
Under Armour times
Compartilhe este link em suas redes sociais:

A Under Armour, uma das maiores marcas do ramo de materiais esportivos no mundo, vem passando por uma fase um tanto quanto ruim no futebol e pode deixar o esporte.

Desde que entrou no mercado do esporte mais popular do mundo, em 2011, a empresa já viveu altos e baixos e ultimamente vem perdendo diversos contratos, inclusive com grandes times.

A UA “começou os trabalhos” no futebol em 2011, mas foi no ano seguinte que chegou ao auge, fechando com o Tottenham Hotspur por cinco temporadas e 50 milhões de libras (297,3 milhões de reais) por temporada. Ao término dele, no entanto, o clube fechou com a Nike.

Mas, foi esse grande passo que fez com que a marca se tornasse conhecida mundialmente e fechasse muitos outros contratos, incluindo Aston Villa e Southampton na Inglaterra, Cruz Azul e Toluca no México, St.Pauli na Alemanha, Colo-Colo no Chile e, por aqui, São Paulo, Fluminense e Sport Recife.

Fluminense Umbro

Porém, nos últimos anos, a marca vem em decadência, a começar no Brasil, quando perdeu o contrato com o Tricolor Paulista. Logo depois, o Sport trocou a empresa pela Umbro, algo que o Fluminense repetiu em 2020. Assim, a UA terminou suas operações no futebol brasileiro.

lokomotiv moscou adidas

Fora, Aston Villa, Colo-Colo e Cruz Azul já haviam trocado e fornecedora até o início da última temporada, mas, agora, Lokomotiv de Moscou e AZ Alkmaar já anunciaram que vestirão Adidas e Nike respectivamente.

Camisas do Rosario Central 2020 Under Armour abre

Assim, “sobraram” poucas equipes no catálogo da empresa, sendo as maiores delas o Estudiantes de La Plata e o Rosario Central, na Argentina, Universidad Católica, no Chile, e o Southampton, na Inglaterra, com contrato até 2023. Ainda têm o St.Pauli, na Alemanha, com contrato até 2021, o Sydney FC, na Austrália, que assinou em junho de 2019, e o Omiya Ardija, no Japão, porém, nunca se sabe quando elas poderão trocar também.

Fora do futebol, tudo bem

Under Armour perde diversos contratos e pode sair do futebol

No futebol as coisas podem não estar tão bem para a empresa americana, mas fora das quatro linhas, os negócios continuam prósperos. No atletismo, a marca bate de frente com Nike e Adidas, além de estar presente em diversos filmes de Hollywood.

Mas são os “garotos propaganda” da marca que a impulsionam. A começar por Stephen Curry, astro da NBA, que possui uma linha própria de produtos e tênis, o mesmo que ocorre com Dwayne “The Rock” Johnson, maior representante da marca.

► Compre camisas de futebol na FutFanatics

Como acha que será o futuro da Under Armour no futebol? Deixe seu comentário e compartilhe o link nas redes sociais!

Compartilhe este link em suas redes sociais:

Você também pode gostar