Camisas de Futebol » Como o Alisson da Seleção resolveu a crise de goleiros do Liverpool

Como o Alisson da Seleção resolveu a crise de goleiros do Liverpool

by Juliano Buzato
Compartilhe este link em suas redes sociais:

A final da Liga dos Campeões de 2018 foi um momento de realização para o técnico do Liverpool, Jürgen Klopp. Após uma temporada em que os goleiros Loris Karius e Simon Mignolet trocavam de lugar continuamente na camisa um do Liverpool, foi com Karius, cujos erros custaram caro à equipe, que o Real Madrid triunfou por 3 a 1 para impossibilitar ao Liverpool o que seria o primeiro troféu de Klopp no clube.

Obviamente, esses erros disseram à Klopp que era necessária ação no mercado de transferências naquele verão e não demorou muito para que o Liverpool gastasse dinheiro para trazer Alisson da Roma por um valor relatado de 67 milhões de libras. Era um valor de transferência recorde mundial para um goleiro na época (a contratação de Kepa Arrizabalaga pelo Chelsea mais tarde a esconderia), mas pergunte a qualquer fã do Liverpool e eles dirão que ele valeu cada centavo.

Defensivamente, o Liverpool foi transformado desde a chegada do goleiro brasileiro. Depois de sofrer 38 gols na Premier League na campanha de 2017-18 com Mignolet e Karius na baliza, o Liverpool sofreu apenas 22 na temporada seguinte da liga com Alisson no gol, já que a determinação defensiva da equipe aumentou.

Mas não foi apenas a mera capacidade de parar as finalizações que fez de Alisson uma aquisição tão importante. É o nível de compostura que o brasileiro traz para a equipe que permitiu à defesa do Liverpool ficar mais confortável e segura. Os jogadores podem ter alto grau de confiança de que, se cometerem algum erro, haverá um goleiro de nível de seleção atrás, e que poderá contar com grandes defesas.

O mesmo nem sempre pode ser dito sobre Mignolet ou Karius. Enquanto o goleiro belga fez mais de 200 jogos pelo clube de Anfield, foi um período marcado por lapsos ocasionais de concentração e erros em alto nível. Karius era visto como o antídoto para a inconsistência de Mignolet, mas sua única jornada no gol do Liverpool foi decepcionante.

De muitas maneiras, os erros de Mignolet e Karius na temporada 2017-18 tiveram um papel importante no sucesso atual do Liverpool. Se Karius tivesse tido um desempenho sólido na final da Liga dos Campeões, será que Klopp sentiria a necessidade de assinar com Alisson naquele verão? É uma pergunta a qual talvez nunca saibamos a resposta, mas, ao contratar um goleiro de nível de seleção o Liverpool se tornou automaticamente um time melhor.

Agora eles estão aproveitando plenamente os benefícios disso, posicionados bem no topo da tabela da Premier League e navegando para o primeiro título da liga em 30 anos. Através de suas capacidades defensivas e talento no ataque, eles estão consistentemente suportados com palpites de futebol para os jogos de hoje. Com Alisson no gol, eles novamente possuem o melhor recorde defensivo da liga, sofrendo notavelmente nove gols nos últimos 10 jogos.

Os defensores do Liverpool também são responsáveis por esse grande recorde, e nomes como Virgil van Dijk, Joe Gomez e Joel Matip foram excepcionais. Mas, na base disso, sempre está o goleiro, o ponto central no qual uma defesa bem-sucedida deve ser construída. Com o brasileiro Alisson, o Liverpool tem sem dúvida o melhor goleiro do planeta – o homem perfeito para um time que é indiscutivelmente o melhor do mundo no momento.

Compartilhe este link em suas redes sociais: