Camisas de Futebol » Inglaterra terá números de legado para cada um de seus jogadores

Inglaterra terá números de legado para cada um de seus jogadores

by André Coutinho
English Team terá números de legado para cada um de seus jogadores
Compartilhe este link em suas redes sociais:

A Seleção Inglesa, também conhecida como English Team, completará 1000 jogos no futebol profissional masculino quando enfrentar Montenegro pelas Eliminatórias da Euro 2020 e, para comemorar, criou uma série de números de registro, ou de legado, como a FA tem chamado, para os jogadores que atuaram com a camisa dos três leões.

Cada atleta que atuou com o manto inglês nestes 999 jogos recebeu um número ordinal, de acordo com a sequência em que serviram o país.

O atual treinador da seleção, Gareth Southgate, que também foi jogador do English Team, por exemplo, é o número 1071 e recebeu uma camisa especial com seu “legado” em visita ao Museu do Futebol de Manchester.

English Team terá números de legado para cada um de seus jogadores

O número 1 da lista é o goleiro Robert Baker, que defendeu a meta inglesa no primeiro jogo do selecionado, em 1872. O último é o zagueiro do Aston Villa, Tyrone Mings, recém convocado, que foi registrado com o número 1244.

English Team terá números de legado para cada um de seus jogadores

Essa prática é nova no futebol, mas já apareceu em outros esportes. Para conferir a lista completa dos jogadores e seus números de legado na Seleção Inglesa, basta clicar aqui.

1000º jogo contará com detalhe especial

English Team terá números de legado para cada um de seus jogadores

Os uniformes da Seleção Inglesa em seu jogo 1000 da história trarão os números de legado dos atletas logo abaixo do logo dos três leões, junto de “English 100th international” e a data do jogo (14 de novembro de 2019). Isso normalmente não seria permitido, mas a UEFA liberou para o jogo. Nos próximos, no entanto, a numeração especial vai ser colocada no interior da gola.

Além disso, o evento contará com a presença de diversos dos campeões mundiais de 1966, ex-capitães do English Team e jogadores com mais de 50 internacionalizações pelo país, que devem receber camisas especiais com seus números.

Outra presença de destaque é Viv Anderson, primeiro jogador negro a vestir a camisa da Seleção Inglesa, que será reconhecido pelo seu papel de extrema importância na história do selecionado, principalmente em dias como os atuais, onde o racismo, infelizmente, continua presente nos estádios.

► Compre camisas de futebol na FutFanatics

O que achou da Seleção da Inglaterra lançar números de legados para seus jogadores? Deixe seu comentário e compartilhe o link nas redes sociais!

Compartilhe este link em suas redes sociais:

Você também pode gostar