Com alta rejeição Warrior deve dar lugar a New Balance

A alta rejeição da Warrior no futebol pode estar gerando uma reformulação de marca na empresa e a New Balance, famosa marca de tênis e dona da Warrior Sports, deve assumir os contratos e voltar ao fornecimento para o futebol, essa informação foi dada no final da semana passada pela revista Anfield Wrap (especializada em Liverpool FC) e bastante debatida pelo site Footy Headlines.

Um dos principais motivos da mudança estaria na pouca aceitação da marca com os torcedores devido aos uniformes extravagantes criados pela fornecedora para suas equipes, tendo como principal expoente os Reds, time pelo qual a marca fechou um acordo parrudo de US$ 40 milhões por temporada.

A NB já esteve neste ramo futebolístico nos anos 80 e 90 quando chegou a patrocinar alguns clubes tendo como caso mais famoso o Swansea City que hoje disputa a Premier League.

Camisa do Swansea City - New Balance 1999-2000

Caso essa mudança aconteça mesmo, várias equipes teriam seus mantos fornecidos pela New Balance na próxima temporada, entre elas estão: Liverpool, Porto, Sevilla, Emelec, Stoke City, Randers FC, Sagan Tosu, Shamrock Rovers, N.E.C. Niejmegen, e o Odds BK.

Além disso hoje a Warrior Football tem contrato com diversos jogadores de primeira linha do futebol mundial, os belgas Vincent Kompany e Marouane Fellaini, o argentino Jonas Gutierrez, o inglês Tom Ince, o australiano Tim Cahill e o volante brasileiro Fernando Reges, hoje no Manchester City. É ainda especulado que os jogadores Samir Nasri e Álvaro Negredo também já tenham contrato firmado com a marca.

► Compre camisas Warrior e muitas outras marcas na Fut Fanatics

O que acham da substituição da marca Warrior por New Balance?