Adidas pode tirar Manchester United da Nike

Conforme havíamos adiantado meses atrás, o Manchester United assinou com a Adidas e por uma cifra recorde, £ 750 milhões,  aproximadamente R$ 2.250 bilhões por dez anos de contrato, ou seja £ 75 milhões por temporada o que é considerado o maior contrato entre um clube e uma fornecedora na história do futebol mundial.

O novo acordo, que tem início na temporada 2015-2016, engloba além de patrocínio, também  o licenciamento da marca United para a fornecedora das três listras e encerra o ciclo da sua maior rival Nike que estampa sua marca na camisa dos Red Devils desde 2002.

Semana passada a fornecedora americana anunciou que estava desistindo de patrocinar o clube inglês pois considerava o preço pedido pelo clube inglês irreal, para se ter uma ideia a Adidas pagará ao clube aproximadamente R$ 450 milhões a mais do que a Nike oferecia. Recentemente a marca também perdeu o Arsenal para a Puma.

“Estamos muito animados para se juntar com o Manchester United, um dos clubes de futebol mais bem sucedidos e mais amados no mundo todo. Nossa parceria com o clube ratifica claramente a nossa liderança no futebol e nos ajudará a fortalecer ainda mais nossa posição em mercados-chave em todo o mundo. Ao mesmo tempo, esta colaboração é um marco para nós quando se trata de potencial merchandising, esperamos que as vendas totais de atingir £ 1,5 bilhão durante a duração da nossa parceria”, afirmou o entusiasmado CEO da Adidas, Ebert Hainer.

O acordo é anunciado um dia após a final da Copa do Mundo 2014 na qual a Adidas teve suas duas principais seleções na grande final, deixando a Nike num verdadeiro ostracismo, e agora também sem seu maior clube.

► Compre a camisa do Manchester United e muitas outras camisas de times ingleses na Fut Fanatics

Gostaram do acordo entre Manchester United e Adidas?