capa
Confira a história da camisa da Espanha

História da camisa da Espanha – Eles já vestiram branco, azul e até dourado, mas é impossível pensar nos jogadores da Seleção Espanhola de futebol sem a tradicional e “furiosa” camisa vermelha que caracteriza La Roja como uma das mais tradicionais e vitoriosas seleções do mundo. Campeã da Copa de 2010 e tricampeã europeia (1964, 2008 e 2012), a Espanha iniciou sua trajetória futebolística em 1920, com o objetivo de representar o país nos Jogos Olímpicos da Antuérpia (BEL) naquele mesmo ano.

A cor vermelha foi escolhida pelo Comitê Olímpico Espanhol, que se inspirou na bandeira do país (vermelha e amarela), além de inserir como logotipo um leão em amarelo em alusão ao Ducado de Brabante, antiga província da Antuérpia e que fora território espanhol. O leão amarelo também prestou uma homenagem ao brasão do rei vigente da Espanha na época, Alfonso XIII de Borbón. Além da camisa vermelha, o primeiro uniforme espanhol era composto por calção branco e meias negras.

Camisas da Espanha em 1920 com um leão em seu peito.
Camisas espanholas em 1920 com um leão em seu peito.

Entre 1921 e 1922, a equipe passou a utilizar uma camisa branca com calção azul e meias negras, retomando a vestimenta vermelha ainda em 1922. Em 1924, nos Jogos Olímpicos de Paris, a seleção usou uma camisa vermelha com um grande “v” em amarelo (somado a um calção azul e meias negras), muito parecido com a utilizada pela Fúria na Copa das Confederações de 2013.

Camisas da Espanha anos 20 e século xxi
Camisas em diferentes épocas e comparação à desenho “recente”.

Com o agravamento da Guerra Civil Espanhola, nos anos 30, o vermelho deixou de ser utilizado e a cor branca passou a ser a principal do uniforme do time pelo fato de o vermelho ser associado aos republicanos e as partidas de futebol serem permitidas apenas na zona nacionalista do país (que tinha o branco como cor característica). Vale lembrar que de 1936 até 1939 a seleção mudou novamente seu brasão para a Falange Espanhola, que representava os nacionalistas.

Bandeira da Falange Espanhola e camisa branca sem a cor vermelha, republicana.
Bandeira da Falange Espanhola e camisa branca sem a cor vermelha, republicana.

Com o fim da guerra, o azul virou cor principal do uniforme da Espanha até 1947, quando o General Moscardó pediu a volta do vermelho como cor principal, deixando o azul para a camisa reserva. Curiosamente, foi de azul que a Espanha faturou seu primeiro título da Eurocopa, em 1964, na final contra a URSS.

Camisas azuis da Espanha

Ao longo dos anos, a equipe variou bem pouco suas vestimentas e jogou sempre com camisas vermelhas, calções azuis e meias pretas ou azuis como opção 1 e uniforme todo azul como opção 2 (com pontuais aparições do branco). Em 2008, ano de mais um título europeu dos espanhóis, a camisa roja deu sorte e ajudou os espanhóis a vencer a decisão continental contra a Alemanha.

Camisas da Espanha campeã da Euro 2008

Dois anos depois, na final da Copa do Mundo, contra a Holanda, o azul foi a cor talismã para o primeiro e histórico título mundial da equipe. Em 2012, ano do tricampeonato europeu, o azul esteve novamente em campo na final entre Espanha e Itália. Porém, quem jogou de azul foram os italianos, que não demonstraram forças diante do vermelho sagaz da Espanha, que goleou por 4 a 0 e se consolidou como principal seleção do mundo.

gol iniesta final copa do mundo 2010
2010 – Vestida de azul, a Espanha comemorou com o gol de Iniesta, seu 1º título mundial.

Para a Copa de 2014, a equipe aposta na tradição vermelha e deverá jogar até com os calções e meias na cor da fúria. E da paixão dos espanhóis por futebol.

Camisa da Espanha Copa do Mundo 2014
Camisa que a Espanha tentará o Bi no Brasil em 2014

► Compre a camisa da Espanha e outras camisas de seleções na Fut Fanatics

Este texto foi escrito por Guilherme Diniz do blog Imortais do Futebol. Gostou da matéria ou gostaria de ver a história de algum clube em específico? Deixe sua opinião no comentário. E curta a fan page do Imortais: