O craque húngaro Ferenc Puskás

 

Ferenc Puskás foi o maior jogador húngaro de todos os tempos e sem dúvida um dos 10 melhores de toda a história do futebol. Na primeira metade da década de 50, comandou a seleção húngara, que chegou a ficar invicta por 4 anos, sendo campeã olímpica em 1952 e vice-campeã mundial em 1954, considerada por muitos a melhor seleção daquele mundial mesmo tendo sido derrotada.

Réplicas das camisas usadas pela Hungria em 1954

Seus 84 gols em 85 jogos pela Hungria fizeram dele por muito tempo o maior goleador em seleções, com uma média incrível de quase 1 gol por jogo. Canhoto e muito habilidoso, aterrorizava seus adversários com dribles curtos e chutes potentes, e era considerado um dos jogadores mais inteligentes da época.

Duas curiosidades marcam a sua carreira, a primeira vem devida a sua patente de major do exército por isso seu apelido era “Major Galopante”, a segunda é que era considerado um jogador baixo e acima do peso e mesmo assim fez o que fez.

Puskás é um dos grandes ídolos da história do Real Madrid, tendo feito uma das maiores parcerias do futebol ao lado do argentino Di Stefano.

Di Stefano e Puskás ídolos do Real Madrid

 

O Major Galopante é considerado o maior goleador do século 20 com 512 gols em 528 partidas, em homenagem a este feito desde 2009 a Fifa concede o Prêmio Ferenc Puskás ao autor do gol mais bonito do ano.

O craque faleceu em 2006 em Budapeste.

 

Você acredita que Ferenc Puskás foi um dos maiores jogadores de todos os tempos?